Pesquisar Apaes

Você deseja ir para qual instituição Apae? Clique nas setas para visualizar as opções.

Estado

Unidade

Apae de Juazeiro promove o VII Encontro comemorativo pelo Dia Nacional do Surdo

Apae de Juazeiro promove o VII Encontro comemorativo pelo Dia Nacional do Surdo

De 20 a 25 de setembro de 2009 a Apae de Juazeiro promove o VII Encontro comemorativo pelo Dia Nacional do Surdo.

Programação

20/09/2009 (Domingo) – Missa com intérprete de Libras
Local: Catedral Nossa Senhora das Grotas
Horário: 19:30h

21/09/2009 (Segunda) - Conscientização nas escolas
Local: Apae de Juazeiro/Colégio Paulo VI

22/09/2009 (Terça) - Encontro de Surdos
-Apresentações de Artes Surdas
Local: Sala de reunião da Apae de juazeiro
Horário: 8h

23/09/2009 (Quarta) - Oficinas de Libras
Local: Salas de aula da Apae de Juazeiro
Horário: 8h30

24/09/2009 (Quinta) – Jogos e Brincadeiras
Local: Apae de Juazeiro
Horário: 9h

25/09/2009 (Sexta) - Passeata do Orgulho Surdo
Concentração: Shopping Água Center
Horário: 7h


26 de setembro – Dia Nacional do Surdo

A Comunidade Surda Brasileira comemora em 26 de setembro, o Dia Nacional do surdo, data em que são relembradas as lutas históricas por melhores condições de vida, trabalho, educação, saúde,  dignidade   e   cidadania.

No Brasil, o dia 26 de setembro é celebrado devido ao fato desta data lembrar a inauguração da primeira escola para Surdos no país em 1857, com o nome de Instituto Nacional de Surdos Mudos do Rio de Janeiro, atual INES – Instituto Nacional de Educação de Surdos. Toda esta história começou em 26 de setembro de 1857, durante o Império de D. Pedro II, quando o professor francês Hernest Huet fundou, com o apoio do Imperador o Imperial Instituto de Surdos Mudos. Huet era surdo. Na época, o Instituto era um asilo, onde só eram aceitos surdos do sexo masculino. Eles vinham de todos os pontos do país e muitos eram abandonados pelas famílias.


“Lamento Oculto de um Surdo”

Quantas vezes eu pedi uma Escola de Surdos e
você achou melhor uma escola de ouvinte.
Varias vezes eu sinalizei as minhas necessidades e
você as ignorou,colocando as suas idéias no lugar.
Quantas vezes levantei a mão para expor minha idéia
e você não viu.
Só prevaleceram os seus objetivos ou
você tentava me influenciar com a história
de que a Lei agora é essa e
que a Escola de Surdo não pode existir
por estar no momento da ‘Inclusão”.
Eu fiquei esperando mais uma vez...
em meu pensamento...
Ser Surdo de Direito é ser “ouvido”...
é quando levanto a minha mão e
você me permite mostrar o melhor caminho
dentro de minhas necessidades.
Se você Ouvinte me represente,
leve meus ensejos e as minhas solicitações
como eu almejo.
e não que você pensa como deve ser.
No meu direito de escolha,
pulsa dentro de mim:
Vida,Língua,Educação,Cultura
e um Direito de ser Surdo.
Entenda somente isso!
                                          
Shirley Vilhalva (Pedagoga surda)

Data
Nenhum registro encontrado.

Endereço:
SDS Venâncio IV Cobertura CEP: 70393900 - Brasília/DF
E-mail:
[email protected]
Telefone:
(61) 32249922